Inédito Raio X: o valor de todas as categorias do automobilismo nacional

Estava eu sem fazer nada no Carnaval e comecei a fazer uma pesquisa que imagino que seja inédita no Brasil. Quanto custa cada categoria do Automobilismo Nacional? Desde o Kart até as categorias tops?

Para isso pesquisei 14 categorias do nosso automobilismo. Os valores foram alcançados em conversas com pilotos, patrocinadores, equipes, etc.

Esta pesquisa trouxe números bem interessantes.

A Stock Car, por exemplo, é a categoria mais cara do Brasil. E também a que menos ‘roda’ e treina. Algo errado né?

O kart também foi possível analisar. Nesta categoria são três estágios: Cadete, Júnior e Graduados. Já neste último estágio o dinheiro faz ‘cócegas’ no bolso.

Um dado comprovado. A categoria de automobilismo mais ‘barata’ do Brasil, é a que tem maior grid. O Paulista de Marcas e Pilotos reuniu mais de 50 pilotos no grid em cada uma das duas etapas disputadas.

Falando de Fórmula. São só duas categorias no país. E a disparidade entre elas é absurdo. No valor e na potência.

As categorias analisadas

Como escolhi as categorias?

Peguei o Kart, que é disputado em todo o Brasil, e o levantamento é para um piloto que compete pelo menos em um regional de São Paulo, a Copa Brasil e o Campeonato Brasileiro.

Escolhi um regional. Peguei como exemplo o daqui de São Paulo.

Analisei as duas únicas categorias de Fórmula.

O restante são todas categorias de Turismo e que competem em um calendário Brasileiro. Isto quer dizer que são disputadas em São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, etc. Pasmem. São 10 categorias.

Estamos preparando nossos pilotos para a Fórmula 1?

Outro detalhe. Neste Raio X não coloco em conta o valor de custo para comprar um chassi de kart ou carro de GT3 ou Mercedes Challenge, por exemplo. Os valores abaixo é apenas o running.

Os valores de cada categoria em ordem crescente:

Kart – Categoria Cadete40 mil reais/ano

Categoria de entrada para as crianças. De seis a dez anos, é onde os pilotos começam no automobilismo. Este valor é considerado ‘baixo’ porque nesta categoria os motores são alugados e sorteados entre os participantes. 

Kart – Categoria Júnior – 110 mil reais/ano

Nesta categoria os pais já começam a sentir a diferença pós-Cadete. Um orçamento já supera 100 mil reais no ano por conta da compra de motores, mais treinos, pneus, etc

Kart – Categoria Graduados – 150 mil reais/ano

A principal categoria do kart. É onde os pilotos já estão se preparando para sair para o automobilismo. A mão de obra começa a ficar mais cara, o valor dos pneus idem, mais treinos, mais campeonatos, etc

Fórmula Future – 200 mil reais/ano

Categoria de entrada do kartista no automobilismo. É moderna mas com motor muito fraco (150cv). Para começar está bom, mas o ‘pulo’ seguinte, tanto no valor como na potência pode atrapalhar muito a sequência de carreira. Pensando no que se gasta no último ano de kart, correr de Fórmula Future não é tão inviável

Fórmula 3 Sul-americana – 600 a 800 mil reais/ano

Pronto. Passo seguinte do piloto que engressou no automobilismo na Fórmula Future. Mas tudo aumentou. Desde o orçamento que triplicou como a potência, que passa de 150cv para mais de 250cv. Além do que, a categoria não vai bem das pernas nos últimos anos e os pilotos estão optando ir direto para a Europa. Com o valor gasto aqui na F3 Sul-americana, é possivel fazer uma categoria razoável na Europa.

Campeonato Paulista de Marcas – 80 mil reais/ano

O campeonato mais barato do automobilismo nacional. São dez etapas durante o ano sempre com corridas em Interlagos, São Paulo. Nas duas primeiras etapas de 2011, mais de 50 pilotos no grid em cada uma delas. E não pense que por ser barato não dá retorno. Segundo os responsáveis pela divulgação do campeonato, ano passado foi gerado 2 milhões de reais de retorno de mídia. 

Mercedes-Benz Grand Challenge – 200 mil reais/ano

Categoria que estreia em 2011 no Brasil. Vem para ser mais uma categoria para Gentleman Drivers. Vai competir no mesmo evento da GT3. Sacada muito inteligente. O piloto/empresário pegando gosto por corridas, pode permanecer no evento anos seguintes competindo com um super-carro esportivo.

DTCC Audi – 200 mil reais/ano

Outra que estreia em 2011. Reservada para o mesmo público da Mercedes e da Porsche Cup. Vai competir em um evento solo e aposta no visual altamente esportivo dos modelos alemães.

Mini Cooper – 250 mil reais/ano

Categoria de entrada para o ‘evento’ Stock Car. Infelizmente é muito mal tratada. Não tem televisão e sempre acontece nos piores horários da programação. Alguns pilotos ali almejam a Stock Car.

Trofeo Línea – 350 mil reais/ano

Competição que começou em 2010 e tem apoio do piloto de Fórmula 1 Felipe Massa. Apenas com carros da montadora italiana, os pilotos disputam 16 corridas no ano em oito fins de semana. Peca por não ter um bom pacote de televisão. Apesar de ter anunciado transmissão Sportv.

Porsche Cup – 520 mil reais/ano

Uma das categorias de Gentleman Drivers mais bem sucedidas no Brasil. Cresce a cada etapa e já é dividida em duas classes: principal e light. Em 2011 vai competir em Portugal. O nível dos pilotos é alto e as disputas são muito interessantes.

Copa Chevrolet Montana – 450 a 550 mil reais/ano

A categoria de acesso para a Stock Car. Não só para pilotos, como também para equipes. Jovens talentos ali estão esperando uma vaga na categoria de cima. O nível técnico é muito bom. Mas as vezes a vontade em excesso atrapalha um pouco.

Copa Petrobras de Marcas – 500 a 600 mil reais/ano

Outro campeonato (mais um!) que estreia em 2011. Com base na argentina TC2000, a Copa Petrobras de Marcas será formada na sua maioria por equipes e pilotos da Stock Car. A boa notícia desta categoria é a disputa entre marcas. Chevrolet, Ford e Honda são as montadoras confirmadas.

Itaipava GT –  800 a 1 milhão de reais/ano

A categoria de super carros esportivos. Os carros dos sonhos de muita gente disputando cada palmo de pista. A combinação piloto Gentleman/piloto profissional dividindo os carros deixa a disputa muito interessante. É uma das três categorias TOPs do automobilismo nacional.

Fórmula Truck – 750 a 1 milhão de reais/ano

A categoria peso-pesado do automobilismo nacional. Este valor depende da estrutura da equipe, vagas, beneficios, etc. (esta categoria terá em breve um post especial). Está cada vez mais atraindo pilotos profissionais de outras categorias. É uma das três categorias TOPs do automobilismo nacional.

Stock Car – 1.6 a 2.2 milhões de reais/ano

A categoria mais cara do automobilismo nacional. Porém, reune os principais pilotos, patrocinadores e tem apoio e transmissão da Rede Globo. O marketing mais forte do automobilismo e atrativos como a Corrida do Milhão e provas em Circuitos de Rua (Salvador e Ribeirão Preto).

Analise final

Deu um trabalho imenso este Raio X do automobilismo nacional. Claro que estes valores são aproximados e nada oficial. Mas podemos ter uma ideia de quanto custa cada categoria.

O fato preocupante é o excesso de categorias de Turismo e as poucas de Fórmula. Por outro lado, o piloto brasileiro que quiser voltar da Europa para correr aqui, opções não faltam.

Pesquisa – Nei Tessari

Amiguinho que ajudou – Ricardo Belussi

Agradecimentos: Fotógrafos no automobilismo nacional

Anúncios
Esse post foi publicado em Automobilismo, F-Truck, GT3, Kart, Stock Car e marcado , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

18 respostas para Inédito Raio X: o valor de todas as categorias do automobilismo nacional

  1. Everton Rupel disse:

    Não tem transmissão da Globo…só passa flashes e melhores momentos… 😦

  2. rafael disse:

    legal sua analise, pena que você esqueceu de analisar o rally e suas diversas categorias, essas sim as mais baratas do brasil. Tem categoria regional de 10000 ano

  3. Emílio Campos disse:

    Teve algumas categorias, como essas novas: DTCC e Mercedes Benz Grand-Challenge, que me parece ter considerado só o custo base. O “pacotão” completo de uma temporada nessas de se aproximar ao da Copa Montana, acredito.
    De todos os modos, o desleixo com os fórmulas e as más coberturas continuam sendo um poblema.
    Parabéns pela pesquisa.

  4. Muito boa a matéria, Nei… Super útil para ter uma noção de qual caminho “viável” muito piloto desnorteado pode seguir…

    Tenho certeza que muito pai de piloto pagaria por ter essas informações!

    Valeu!

  5. E o marcas e pilotos do RJ?

  6. Sem esquecer que na Porsche Cup, vc tem que comprar o carro. Valor do carro: 1 milhãozinho.

  7. Dutch disse:

    Muito boa sua abordagem, concordo com os outros posts em relação aos valores finais. Como o Rafael tambem acho que poderia, quando puder, ser pesquisado os valores nos campeonatos de Rally… Mas pra quem conhece,deu pra se ter uma boa idéia dos custos!
    Belíssima matéria… Grande abraço,até!

  8. EDUARDO CUSTODIO disse:

    Olá Nei, excelente reportagem .

    Tem categoria para todos os bolsos e todos os níveis de pilotagens !!!!!

    Muito legal !!!!

  9. Interessantíssima essa matéria, parabéns.
    Todo mundo tem um pouco dessa curiosidade, que foi matada
    Parabéns pela matéria.

  10. Tata disse:

    nei,os valores correspondente ao Kart que vc passou,só se for para um campeonato muito econômico,pois já vivi tudo isto e esta bem longe deste valores.
    Abs

  11. vagner disse:

    PARABENS !!! otima reportagem …….. voce poderia fazer outra , sobre o custo das categorias ” amadoras ” de kart

  12. Filipe disse:

    Parabéns pela reportagem!!!!

  13. Parabéns pela pesquisa, interessante… em breve vai poder incluir novas categorias, muito mais baratas, sem risco, sem poluição, que oferece oportunidade pra todos, independente de classe social, renda familiar, sexo, religião, forma fisica….. por se tratar de novas categorias profissionais no automobilismo… porém no Virtual, que promete pagar grandes salários para os melhores pilotos… digo os que possuem talento e se dedicam, não os que possuem mais dinheiro pra andar nas melhores equipes… aguardem !!! abração

  14. Bruno Areal disse:

    Matou parte da minha curiosidade, deve ter dado trabalho. Resta saber os custos das categorias de rally no país, vou torcer por uma continuação.

  15. IVANSILVA disse:

    EXELENTE PARABENS! TOTAL DO VOLUME DE DINHEIRO MOVIMENTADO NO PAÍS: 825 OITOCENTOS E VINTE E CINCO MILHOES ANO MAIS UNS ETC POR ANO SERA QUE NAO TEM UM MÍDIA COM CEREBRO NESTE PAÍS?

  16. Rafael MR disse:

    Fuçando na internet, acabei caindo aqui…
    Parabens pela sua pesquisa!
    Acredito que deve ter dado muito trabalho, nao achei nada sobre valores de algumas categorias que estava procurando, a nao ser aqui.

  17. EDIWILSON disse:

    valeu pela pesquisa . podia detalhar mais .ou seja ospedagem ,trans.,peças,em que se gasta isto tudo .por que A DONA MIDIA NÃO LIGA PARA NOSSO AUT.. PODERIAM FICAR COM INVEJA DOS ERMANOS ARGENTINOS . BOTA PILHA NISTO AI.

  18. paulo henrique disse:

    qualquem pode me ajudar quero saber qual eo salario de pilotos da mini challenge , itaipava gt , mercedes bens grand challenge , trofeo linea copa petrobras de marcas e pilotos e da audi dtcc quem poder me ajudar obrigado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s