Causo do Nei: O dia que eu vomitei seis vezes



Mais um Causo do Nei. E neste está envolvido Sérgio Jimenez.

Foi em 2002. Eu já estava morando em São Paulo e resolvi ir para Piedade uma sexta-feira à noite para ir à baladinha. No dia seguinte, eu voltaria de carona com Sérgio Jimenez, que teria uma corrida de kart na Granja Viana. Tudo perfeito, combinadinho.

Fui na Adega (balada da cidade) e depois fui parar na casa de uma “amiga”. Eu, que bebo um monte, tomei uma lata de cerveja e fiquei bebinho. Passei a noite com esta a minha “amiga” e nem dormi. As 6h30 Jimenez passou para me pegar. No carro: Jimenez, Dudu e Enéas, fieis escudeiros. Detalhe: o carro. O cidadão tinha um Fiat Marea turbinado, chipado, nitroglicerinado, etc etc etc.. Um absurdo.

E o Jimenez anda ‘pouco’. Devia fazer de Piedade a São Paulo em menos de 35 minutos. E fomos por Ibiúna. Uma estrada cheia de curvas que para um estomago fraco é uma boa pedida. E eu sem dormi, sem comer – comida – e com uma lata de cerveja no estomago.

Já na saída de Piedade, no inicio da estrada comecei a passar mal. E o Jimenez com pressa. Eu pedi para parar 1 minuto. Não tínhamos nem 10 minutos de viagem. Parou. Vomitei. Só saiu água. Voltei para o carro. Para recuperar o tempo perdido, quis acelerar mais. Nova parada. Vomitei de novo. Ai já saiu umas coisas esquisitas. E o Jimenez bravo e com pressa. Seguimos o caminho. E ele fazendo as curvas a 100km/h e meu estomago revirando. Pedi para parar de novo. Bravo ele disse que seria a ultima vez. Desci e vomitei. Pela terceira vez.

Continuamos. E o cuzon do Jimenez disse que se eu quisesse vomitar de novo era para abrir o vidro e vomitar com o carro andando. Fiz isso. Por mais três vezes. Só que, eu vomitava para fora, e o cheiro vinha para dentro. Fomos até a Granja Viana com cheiro de vomito no carro. No total foram seis vomitadas.

Chegamos na Granja Viana. Um sol absurdo. Eu com mal estar. Ruim do estomago. Dei mais uma gorfadinha para acabar de vez. Depois da corrida fomos para o SBT. Jimenez iria participar do Domingo Legal (história para outro dia). Passamos o dia lá.

Resumo da opera: depois de seis vomitas e uma gorfada, só fui chegar na minha casa em São Paulo as 22 horas do sábado.

Minha mãe perguntou: e ai? Como está Piedade?

Respondi: um nojo.

Obs: não é a minha pessoa na foto. Mas a situação foi bem parecida.

Anúncios
Esse post foi publicado em Causos do Nei e marcado , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Causo do Nei: O dia que eu vomitei seis vezes

  1. Dudu disse:

    Pior q e verdade,o cheiro era mto nervoso hahaha !!!

  2. snovaes disse:

    E qual a diferença entre “vomitada” e “gorfada”??? Esse dialeto piedadense não chegou em Sorocaba ainda…

    E se bem me lembro da Adega (que fui umas várias vezes), a cerveja estava quente!

  3. Putz, já passei por coisa parecida. É pra acabar…

  4. Pingback: O “cavalo de pau” perfeito | Bobo da Corte

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s